Pesquisa personalizada

sábado, 5 de janeiro de 2008

Escritos para ti....

Onde quer que o mar te tenha levado....

Quero sentir, sentindo,
o que outrora senti,
Quero sentir, sentindo,
de novo o amor que perdi.

Quero sonhar, sonhando,
um sonho que sonhei,
quero sonhar de novo,
um sonho que só eu sei.

Quem me dera ser caneta,
na mão de um escritor,
para contar em palavras,
o que sinto por ti, amor.

Amor, sentimento tão belo,
que conduz ao ciúme,
é um sentimento de inveja,
que queima como lume.

Cabelo preto como ébano,
boca macia como cetim,
olhos negros que incendeiam,
e são tudo para mim.

1 comentário:

Mytho disse...

Isso dá música! :) Muito bom =*